Após a decisão do ministro do STF, Gilmar Mendes, de suspender nomeação de Lula para a Casa Civil e ainda manter as investigações sobre o…

Possível prisão de Lula deve acirrar clima político no país nesta semana

Possível prisão de Lula deve acirrar clima político no país nesta semanaApós a decisão do ministro do STF, Gilmar Mendes, de suspender nomeação de Lula para a Casa Civil e ainda manter as investigações sobre o…


Possível prisão de Lula deve acirrar clima político no país nesta semana

Foto: Reinaldo Meneguim/Democratize

Após a decisão do ministro do STF, Gilmar Mendes, de suspender nomeação de Lula para a Casa Civil e ainda manter as investigações sobre o ex-presidente com o juiz Sérgio Moro, boatos de que o petista seria preso nesta semana já começam a circular nas redes sociais e nos bastidores do PT e em Brasília.

O ex-presidente Lula vive um verdadeiro inferno astral nesta semana. Sua nomeação para o Ministério da Casa Civil, programada e articulada pelo governo Dilma, viveu uma série de idas e vindas após o vazamento de escutas telefônicas envolvendo o petista e a presidenta.

Na sexta-feira, enquanto organizações petistas e movimentos sociais reuniam mais de 100 mil pessoas na Paulista, o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, suspendeu a nomeação de Lula para o ministério, e ainda repassou as investigações envolvendo o ex-presidente para o juiz Sérgio Moro, acusado pelos petistas de perseguição política.

O “lulinha paz e amor” de sexta-feira na Avenida Paulista, pode ser obrigado a mudar mais uma vez para uma versão radical, caso os boatos que circulam nos bastidores da política e nas redes sociais realmente ocorra.

Segundo fontes confiáveis, o juiz Sérgio Moro estaria preparado para realizar a prisão de Lula já na segunda-feira (21), de manhã. A militância petista já se mobiliza para evitar o pior, prometendo se reunir em massa em frente ao apartamento do ex-presidente em São Bernardo do Campo, na madrugada desta segunda. Um evento no Facebook foi criado.

Enquanto isso, o jornalista e blogueiro do jornal O Globo, Ricardo Noblat, afirmou em sua conta oficial no Twitter que existiria uma possível gravação nas mãos de Moro, onde Lula teria dito a um “cara capaz de tudo” para dar “um jeito no juiz”. Veja abaixo:

A acusação de Noblat sobre essa possível gravação é de um teor muito sério, que sem apresentação de provas, demonstra como o jornalismo dos veículos da Rede Globo se mostram tendenciosos. Diversos jornalistas já se prontificaram criticando Noblat, por soltar acusações sem prova em um momento crítico no Brasil, onde manifestantes pró e contra o governo já se enfrentaram nas ruas.

De qualquer forma, uma possível prisão de Lula nesta semana pode desencadear uma semana ainda mais movimentada e caótica do que a que tivemos nos últimos dias.

Esse fator poderia ser determinante para que o Congresso acelere cada vez mais o processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff, com apoio de manifestações de grupos opositores, como o Movimento Brasil Livre — que para esta semana, programou ônibus fretados de diversas capitais ao redor do país em direção à Brasília, onde deve ocupar novamente as ruas da capital.

Ao mesmo tempo, setores governistas e de esquerda devem se mobilizar contra a iminente tentativa de desarticulação de um governo democraticamente eleito sem provas determinantes para um possível impeachment. Recentemente, o maior partido de oposição de esquerda ao governo, PSOL, demonstrou apoiar o governo Dilma por conta do posicionamento político do juiz Sérgio Moro, que não estaria tratando do tema de forma imparcial e jurídica, e sim com viés partidário e objetivos pessoais.

Veja abaixo como foi a semana passada em Brasília e em São Paulo:

By Democratize on March 20, 2016.

Exported from Medium on September 23, 2016.

Posts Relacionados

On Top
error: Para reproduzir o conteúdo do Democratize, entre em contato pelo formulário.
%d blogueiros gostam disto: